Ilustração infantil dos anos 50

Um sapo de fraque
bebendo conhaque.

Se essa rua...

Aquela rua sem fones de ouvido é uma infinda sucessão de passos em preto e branco, mas lá uma vez ou outra se encontra um pássaro todo metido distribuindo pios a deus dará.

Fauna e flora

Outro dia declarei ao meu amor:
"Eu te amo como a abelha ama a flor!"
Ela viu tanta beleza...
Eu vi tanta natureza...

Mas, Inocência,
se ela tivesse ciência
deste universo frágil
descobriria meu plágio...
Silêncio interno.
Outono estende sua cama de palha...

Nostálgico

Eu quero um canto
para descansar
fazer macarronada
com salsicha e ver
na Sessão da Tarde
a Lagoa Azul
inédito que nunca
passou na TV

Imagens em verde

Os grilos saltaram no pântano,
os sapos coaxaram de espanto...

No rapto das esmeraldas, tácitas
as ladras serpentes se esgueiravam...

O musgo musga alegre e esplêndido
naquele muro sábio e barbado...

As górgonas dançam emblemáticas
de olhos fechados no salão de espelhos...